Comandante Geral do Exército Peruano é recebido no Quartel-General do Exército Brasileiro

Nação amiga

Publicado em 07/05/2024 16h50 | Atualizada em 07/05/2024 17h05

Cap Edvaldo e S Ten Edmilson

Brasília (DF) – O Comandante Geral do Exército do Peru, General de Exército Cesar Augusto Briceño Valdivia, realizou uma visita oficial ao Comandante do Exército Brasileiro, General de Exército Tomás Miguel Miné Ribeiro Paiva. O militar da nação amiga foi recepcionado no Forte Caxias, Quartel-General do Exército (QGEX), em Brasília, nessa terça-feira, 7 de maio, quando também ocorreu uma cerimônia de imposição da Ordem do Mérito Militar.

O General Briceño foi recebido com a escolta de honra hipomóvel dos Dragões da Independência e salvas de gala da Bateria Caiena. Após conduzir a revista da tropa, o oficial-general foi recebido pelo General Tomás e em seguida seguiu para o gabinete do Comandante do Exército Brasileiro com presença do Chefe do Estado-Maior do Exército, General Richard, além de membros da comitiva peruana.

Para o General Tomás este tipo de encontro é de grande importância devido a relação bilateral já tradicional com o Peru. O comandante destacou, ainda, o fato do país vizinho ser amazônico e possuir mais de dois mil quilómetros de fronteira com o Brasil. “Temos muitos interesses em comum e muitas parcerias estratégicas, além de operações espelhadas, como a Operação Ágata e outras operações na faixa de fronteira. Então, essa reunião incrementa ainda mais o nosso intercâmbio e quem sabe gera oportunidades para nossa Indústria de Defesa”, conclui.

Já o Comandante Geral do Exército Peruano ressaltou os laços de amizade, cooperação e apoio que unem os dois Exércitos. ”O Brasil e o Peru são países irmãos, unidos por  uma fronteira de 2.800 quilômetros e pela amazônia. Esse tipo de reunião é muito importante, porque estamos unindo capacidades por meio de amizade, apoio e cooperação para estreitar a relação de confiança”, afirmou.

O Comandante do Exército do Peru graduou-se na Escola Militar de Chorrillos, em 1987. Entre outras atividades de destaque, foi Adjunto do Adido Militar da Embaixada do Peru nos Estados Unidos da América e Chefe do Estado-Maior General do Exército Peruano.
 

Fonte: Centro de Comunicação Social do Exército

Conteúdo Relacionado