Comandante do Exército acompanha operação de controle da Fronteira Oeste

Operação Ágata

Publicado em 08/03/2024 16h51 | Atualizada em 13/03/2024 15h33

Campo Grande (MS) – O Comando Militar do Oeste completou quatro meses de atuação constante na Operação Ágata Fronteira Oeste II. Nesta semana, o Comandante do Exército, General Tomás, veio ao Mato Grosso e acompanhou algumas atividades desenvolvidas pelos militares e integrantes de agências, instituições e órgãos de segurança pública federais e estaduais. 

O Combate aos ilícitos transfronteiriços é o foco das ações nesta região do país, uma área de mais de 2.400 km de fronteira, monitorada por quase dois mil militares espalhados por três estados. Tanto trabalho já resultou em mais de R$ 200 milhões em prejuízo ao crime organizado, totalizado em apreensões de drogas, descaminhos, armas e outros ilícitos. 

No primeiro dia de sua visita, 5 de março, o Comandante do Exército participou de um apronto operacional no Comando de Fronteira JAURU/66º Batalhão de Infantaria Motorizado e acompanhou os resultados de uma apreensão de mais de 144 kg de entorpecentes na região de Porto Esperidião (MT). A ação envolveu Exército Brasileiro, Grupo Especial de Fronteira (GEFRON) e diversas forças de segurança. 

No dia seguinte, o 44º Batalhão de Infantaria Motorizado recebeu o General Tomás para demonstrar a operacionalidade da tropa e sua atuação na região. Em todas as atividades, o Comandante foi acompanhado pelo Comandante Militar do Oeste, General de Exército Luiz Fernando Estorilho Baganha. 


 

Fonte: Comando Militar do Oeste

Conteúdo Relacionado