Comemoração do Dia da Bandeira na Guarnição de Campinas

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 23 nov 2020
Crédito: Eduardo Rodrigues e Sd Bernardino

Campinas (SP) – O Dia da Bandeira foi comemorado pelas tropas da Guarnição de Campinas, na Escola Preparatória de Cadetes do Exército (ESPCEx). A solenidade alusiva à Bandeira do Brasil, símbolo síntese dos valores da Nação e de suas riquezas, contou, também, com a presença de integrantes das organizações militares pertencentes a 11ª Brigada de Infantaria Leve (11ª Bda Inf L). O Subtenente Ronaldo, do Comando da 11ª Bda Inf L, praça mais antiga, no comportamento excepcional, realizou a incineração de Bandeiras inservíveis para uso.

Militares e civis foram agraciados com medalhas, como reconhecimento aos bons serviços prestados à Força Terrestre. A cerimônia contou com a presença do Chefe do Escritório Regional do Sistema Defesa, Indústria e Academia de Inovação/Departamento de Ciência e Tecnologia e eterno Comandante da EsPCEx, General de Exército Mayer, do Comandante da 11ª Bda Inf L, General de Brigada Hiroshi, do Comandante da EsPCEx, e autoridades civis e militares.

“O Soldado Brasileiro, neste dia, saúda a Bandeira do Brasil, renovando seus votos de louvor, honra e vigília permanente ao Pavilhão Nacional, símbolo maior dessa amada Pátria, cuja honra, integridade e instituições serão sempre defendidos com o sangue dos seus filhos. Viva a Bandeira do Brasil!”,  foi a mensagem final do texto alusivo à data, lido pelo General Hiroshi.

 

A Bandeira do Brasil

No dia 19 de novembro celebra-se o Dia da Bandeira do Brasil. Essa comemoração passou a fazer parte da história do País após a Proclamação da República, no ano de 1889. Com o término do período Imperial (1822-1889), a Bandeira que representava o Império foi substituída.

A substituição da Bandeira Imperial por uma Bandeira Republicana representa as transformações que o Brasil passava naquele momento: mudanças na forma de Governo e de governar e do regime imperial para uma República Federativa. Além disso, a nova Bandeira representava a simbologia que estava agregada ao regime republicano, como a ideia de um Estado-Nação, o patriotismo e do surgimento de um sentimento nacionalista.

Fonte: EsPCex