Pelotões de Reconhecimento da 4ª Brigada de Infantaria Leve de Montanha executam infiltração tática

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 04 ago 2020
Crédito: 4ª Bda L Mth

Serra do Caparaó (ES/MG) – Entre 27 e 31 de julho, a 4ª Brigada de Infantaria Leve de Montanha desdobrou seus meios no terreno para desencadear a Operação Guia, exercício de infiltração tática, nível Pelotões de Reconhecimento. A operação ocorreu entre os estados do Espírito Santo e Minas Gerais. O terreno dessas montanhas tem altitudes que variam de 1.400 a 2.860 metros acima do nível do mar e possui um clima com amplitudes que podem variar dos 14º negativos aos 22º positivos, no mesmo dia, o que aumenta o desgaste do organismo.
O exercício contou com atividades que submeteram os pelotões a operações de monitoramento de regiões de interesse para a inteligência militar, de reconhecimento de faixas de infiltração e de ações de vigilância e busca de alvos em potencial. O exercício contemplou os Sistemas de Comando e Controle e Logístico da brigada.

Fonte: 4ª Bda Inf L Mth