Batalhão de Infantaria treina para operações de Garantia da Lei e da Ordem

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 13 mai 2022
Crédito: Cb Messias

Marabá (PA) – Nos dias 4, 5 e 9 de maio, o 52º Batalhão de Infantaria de Selva realizou um exercício de adestramento em operações de Garantia da Lei e da Ordem com o efetivo profissional e efetivo variável. O exercício teve o objetivo de consolidar a instrução individual do efetivo incorporado no corrente ano e adestrar os militares para executar ações de Garantia da Lei e da Ordem.

Foram realizadas instruções como a instalação de posto de bloqueio e controle de vias urbanas, posto de segurança estático, operação de controle de distúrbios, operação de busca e apreensão e patrulhamento ostensivo. O exercício contribuiu para desenvolver na tropa os reflexos e conhecimentos necessários para essas ações de caráter policial.

 

A Garantia da Lei e da Ordem

As missões de Garantia da Lei e da Ordem ocorrem nos casos em que há o esgotamento das forças tradicionais de segurança pública, em graves situações de perturbação da ordem. Essas operações concedem provisoriamente aos militares a faculdade de atuar com poder de polícia até o restabelecimento da normalidade. Nessas ações, as Forças Armadas agem de forma episódica, em área restrita e por tempo limitado, com o objetivo de preservar a ordem pública, a integridade da população e garantir o funcionamento regular das instituições. 

Exemplo de uso das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem foi o emprego de tropas em operações de pacificação do governo estadual em diferentes comunidades do Rio de Janeiro. Também, recentemente, o uso de tropas federais nos estados do Rio Grande Norte e do Espírito Santo, devido ao esgotamento dos meios de segurança pública, para a preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio.

Fonte: 52º Batalhão de Infantaria de Selva