Sistema Defesa, Indústria e Academia de Inovação realiza aproximações institucionais

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 10 fev 2022
Crédito: Departamento de Ciência e Tecnologia

Rio de Janeiro (RJ) – O Chefe do Escritório Central do Sistema Defesa, Indústria e Academia (SisDIA) de Inovação, General de Divisão da Reserva Angelo Kawakami Okamura,  realizou encontros institucionais na cidade do Rio de Janeiro-RJ, no período de sete a 11 de fevereiro.

Houveram reuniões com o Departamento de Educação e Cultura do Exército (DECEx), com a Assessoria de Relações Institucionais do Comando Militar do Leste (ARI/CML) e com o Centro de Capacitação Física do Exército (CCFEx). As atividades tiveram o intuito de apresentar o SisDIA de Inovação a essas Organizações Militares (OM) e discutir necessidades e possibilidades de cooperação entre o Exército e atores da tríplice hélice (Governo, Indústria e Academia).

No DECEx, as atividades iniciaram com a recepção do Chefe do Departamento, General de Exército André Luis Novaes Miranda, seguida de reunião com demais integrantes da organização militar. No CCFEx, a reunião ocorreu com  Chefe do Centro, General de Brigada Luiz Alberto Cureau Júnior.

A atividade se estendeu às OM do Sistema de Ciência, Tecnologia e Inovação do Exército (SCTIEx) sediadas no Rio de Janeiro. No Centro de Avaliações do Exército (CAEx), sob Chefia do General de Brigada Alexandre Martins Castilho, o propósito foi conhecer a estrutura laboratorial do centro. No Instituto de Engenharia do Exército (IME), comandado pelo General de Brigada Juraci Ferreira Galdino, ocorreram tratativas a respeito das tecnologias quânticas e as possibilidades de aproximação com órgãos como o Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF).

Foi realizada visita à estrutura do CBPF, na qual o General Okamura se reuniu com o Diretor do Centro, Professor Doutor Márcio Portes de Albuquerque, além de outros professores e pesquisadores da instituição. O encontro permitiu identificar pontos de convergência e possibilidades de cooperação em relação ao desenvolvimento nacional em tecnologias quânticas, principalmente nas áreas de computação, comunicação e sensores quânticos.

Fonte: Departamento de Ciência e Tecnologia