Exército apoia visita técnica a observatório na Amazônia

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 05 fev 2022
Crédito: 2º Ten Geise

Manaus (AM) – O Comando Militar da Amazônia (CMA) disponibilizou, nesta sexta-feira, dia 4, os meios logísticos de transporte aéreo do 4º Batalhão de Aviação do Exército (4º BAvEx) para o translado de uma comitiva do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) até a Torre ATTO (sigla para Amazonian Tall Tower Observatory).

A estação da ATTO está localizada na Reserva de Desenvolvimento Sustentável Uatumã, no município de São Sebastião do Uatumã, a 150 km de Manaus. A ação logística do Exército Brasileiro possibilitou o acesso à área destinada a pesquisas científicas relacionadas ao ecossistema amazônico tropical e suas condições climáticas.

A presença das tropas do Exército contribuiu para a celeridade da missão e para a segurança no deslocamento aéreo, terrestre e fluvial da comitiva. De acordo com o Ministro Marcos Pontes, o conhecimento dessa biodiversidade amazônica também auxilia o trabalho das Forças Armadas que operam dentro da Amazônia. "Quanto mais conhecemos da Amazônia, mais nós podemos preservar e ajudar as Forças Armadas a terem sucesso em suas missões. Sabemos que o Exército Brasileiro se faz presente em toda a Amazônia e nos garante a soberania nacional e o apoio a população”.

Ainda em Manaus, a comitiva visitou a Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA), onde ocorreu o lançamento de um edital que vai destinar R$ 30 milhões para Bioeconomia e Transformação Digital.

Fonte: Comando Militar da Amazônia


Fonte: Agência - Verde-oliva