Concurso para Cursos de Formação e Graduação de Sargentos atinge número recorde de inscritos

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 12 mai 2021
Crédito: ESA

Brasília (DF) – O número de inscritos para o concurso de 2021 para admissão aos cursos de formação e graduação de sargentos (CFGS) é o maior da história do processo seletivo. Segundo dados da coordenação do concurso, foram realizadas 126.392 inscrições (quase 8 mil a mais que em 2019, ano do último recorde) para as 1.100 vagas disponíveis.

Para alcançar esse resultado, a divulgação da campanha de ingresso teve o apoio do Cabo Max, a Inteligência Artificial (IA) do Exército Brasileiro. Por meio da IA, a Escola de Sargentos das Armas (ESA) recebeu mais de 6.200 acessos ao site da inscrição; 3.485 acessos ao edital da ESA; 262 acessos ao grupo do Facebook e da escola; e mais de 160 acessos à página da escola.

Do total deste ano, 118.393 candidatos se inscreveram para as 1.000 vagas da área geral; 5.624 candidatos concorrerão a 55 vagas de sargentos de saúde; e 2.375 disputarão as 45 vagas para sargentos de música.

A primeira etapa do concurso de admissão, o exame intelectual, será realizado no dia 3 de outubro em diversas unidades militares do País. Na sequência, o concurso passa à segunda etapa, que é composta pelas seguintes fases: inspeção de saúde, exame de aptidão física, exame de habilitação musical (exclusiva para os candidatos às vagas de sargento músico) e comprovação dos requisitos para a matrícula.

Curso de formação

Os CFGS são divididos em três etapas. A primeira, correspondente ao primeiro ano, é realizada nas Unidades Escolares Tecnológicas do Exército (UETE). Os alunos aprovados no primeiro ano podem cursar o segundo ano na Escola de Sargentos de Logística (EsSLog), na Escola de Sargentos das Armas (ESA) ou ainda no Centro de Instrução de Aviação do Exército (CIAvEx). Uma vez aprovados no segundo ano, os alunos realizarão estágio profissional supervisionado nas organizações militares onde forem classificados.

Fonte: Centro de Comunicação Social do Exército