Novo Comandante da 5ª Região Militar visita o Hospital Geral de Curitiba

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 31 jan 2020
Crédito: Sd Giovanne

Curitiba (PR) – No dia 23 de janeiro, o Hospital Geral de Curitiba (HGeC) recebeu a visita do novo Comandante da 5ª Região Militar (5ª RM), o General de Brigada Cláudio Senko Penkal. Durante as atividades do dia, visitou as áreas administrativas, hospitalares, odontológicas, cirúrgicas, unidade materno-infantil, laboratórios, emergência e de alimentação. Após a apresentação dos Oficiais e da palestra ministrada pelo Tenente-Coronel F. Marcelo, o General ressaltou a eficiência da Unidade. “O nosso hospital está virando referência quando o assunto é saúde, e vamos manter, melhorar as condições de saúde possííveis”, salientou.

O HGeC tem o diferencial de fazer ações preventivas à saúde, bem como o desenvolvimento de projetos sociais como a “Música que Cura”, que leva voz e violão aos usuários do hospital e pacientes da ala oncológica, bem como programas de atenção domiciliar e outras ações preventivas. O Centro de Atendimento ao Usuário (CAU), que abriga o Projeto ABAS (Atendimento Básico de Saúde) para atendimentos médicos básicos com clínico geral, é outro diferencial do hospital.

No ano passado o HGeC realizou a primeira cirurgia de captação e transplante de órgãos: 15 fígados foram doados a pacientes da fila de espera em 2019. Por meio do Sistema SAMMED/FuSEx, a organização militar obteve uma economia de aproximadamente R$ 5.472.000,00, o que representa uma diminuição de 7% nos gastos, em relação ao mesmo período de 2018.

O HGeC também faz o controle dos serviços de saúde prestados por diversas entidades contratadas, bem como o controle de atendimentos nas Organizações Militares de Saúde nos estados do Paraná e de Santa Catarina. Com isso, houve um aumento na capacidade de atendimento com qualidade e profissionalismo.

O hospital atende mais de 20 mil usuários do sistema, além de 65 pacientes em sessões de terapia antineoplásica, 65 cirurgias semanais (em média) e a taxa de ocupação hospitalar superior a 80%.

História do HGeC

Em 1º de julho de 1862, foi criada a Enfermaria Militar do Corpo de Guarnição do Paraná, na antiga Rua Aquidaban, hoje Rua Emiliano Perneta, num momento de reestruturação do Exército Brasileiro em distritos militares. O primeiro médico a trabalhar na enfermaria foi o Tenente Cirurgião José Cândido da Silva Muricy, que chegou à cidade de Curitiba em 1853.

Após o Decreto Nº 307, de 7 de abril de 1890, foi aprovado o Regulamento do Serviço Sanitário do Exército. Criou-se, então, o Hospital Militar de 2ª classe do 5º Distrito Militar do Paraná, na antiga Praça da República, hoje Praça Rui Barbosa, onde permaneceu por 30 anos.

Nesse período, o hospital atendeu ativamente vítimas de conflitos, como a Revolta da Armada (1894), a Guerra do Contestado (1912-1916) e o Movimento Tenentista (1930-1932), e ainda atendeu a população civil durante as epidemias de cólera e gripe espanhola de 1918.

Em 1924, houve uma reestruturação no Serviço de Saúde do Exército. Com isso, houve a construção do Hospital Militar de Curitiba, no bairro Batel, cuja localização permanece até hoje.

Em 14 de janeiro de 1953, passou à categoria de Hospital Geral. Em homenagem histórica e para comemorar os 130 anos de existência, o HGeC recebeu a denominação de “Hospital Tenente Cirurgião José Cândido da Silva Muricy”.

Fonte: 5ª RM