Comando Militar do Sudeste comemora os 74 anos do fim da Segunda Guerra Mundial

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 09 mai 2019
Ex-combatente Gerd Emil Brunckhorst marcou presença na solenidade
Crédito: Cb Johnata

São Paulo (SP) – Com o objetivo de exaltar a participação brasileira nos campos de batalha italianos, durante a Segunda Guerra Mundial, e reverenciar os heróis brasileiros que integraram a 1ª Divisão de Infantaria Expedicionária, o Comando Militar do Sudeste (CMSE) realizou, no dia 8 de maio, uma solenidade na Praça Carlos Gardel, em São Paulo, onde está localizado o Monumento aos Ex-Combatentes da Força Expedicionária Brasileira (FEB), de autoria do arquiteto Jorge Osvaldo Caron.

A cerimônia foi presidida pelo Comandante da 2ª Divisão de Exército (2ª DE), General de Divisão André Luis Novaes Miranda, e contou com a presença do Major-Brigadeiro do Ar Sérgio de Matos Mello, Diretor de Infraestrutura da Aeronáutica; do General de Divisão Marco Antônio Tilsher Saraiva e do General de Divisão Eduardo Diniz, antigos comandantes da 2ª DE; do General Hedel Fayad, representante da Fundação Cultural Exército Brasileiro (Funceb) em São Paulo; do General de Brigada Manoel Morata Almeida, presidente do Círculo Militar de São Paulo; e do deputado estadual Coronel PM Paulo Adriano Lopes Lucinda Telhada; além do febiano Gerd Emil Brunckhorst.

Para coroar a formatura, crianças do Projeto Exército Cantado entoaram a Canção do Expedicionário ao som da banda do 2º Batalhão de Polícia do Exército (2º BPE). 

O Dia da Vitória marca o fim da Segunda Guerra Mundial, em 1945, quando os países Aliados (Estados Unidos, Inglaterra e França) venceram os países do Eixo (Alemanha, Itália e Japão) com o apoio de cerca de 25 mil jovens brasileiros. Leia o alusivo à data.

 

Homenagem aos Pracinhas

Recentemente, o Mausoléu da FEB, situado no Cemitério São Pedro, na Vila Alpina, foi revitalizado por iniciativa do Senhor Douglas Ramos, presidente da Sociedade de Amigos do Centro de Preparação de Oficiais da Reserva de São Paulo (SOAMI).

O mausoléu recebeu novas bandeiras, placas, lápides e plantas, com a finalidade de estimular, na sociedade brasileira, o culto aos heróis militares nacionais, personificados nos Pracinhas da FEB, como ficaram conhecidos os ex-combatentes.

Fonte: CMSE


Ex-combatente Gerd Emil Brunckhorst marcou presença na solenidade

Crédito: Cb Johnata