1º Batalhão de Comunicações fiscaliza comércio de armas e munições em operação no Rio Grande do Sul

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 29 abr 2019
Crédito: 2º Sgt Martins

Santo Ângelo (RS) – O Exército Brasileiro realizou, no período de 24 a 25 de abril, a Operação Alta Pressão VIII no Rio Grande do Sul, com a finalidade de fiscalizar o comércio de armas de pressão, insumos de munições e acessórios para arma.

A operação consiste na inspeção, de maneira inopinada, das pessoas jurídicas que comercializam esse tipo de material no Estado e contou com o apoio dos órgãos de segurança e ordem pública (OSP) e agências governamentais.

Em Santo Ângelo e região, o 1º Batalhão de Comunicações, por intermédio do seu Serviço de Fiscalização de Produtos Controlados (SFPC), junto a outras unidades militares, deram início às operações interagências. A operação visou coibir e reprimir o desvio, o armazenamento inadequado e a falta de controle de estoques, autuando empresas que estiverem agindo em desacordo com a legislação vigente.

No âmbito do Rio Grande do Sul, a atividade administrativa de fiscalização de produtos controlados é executada pela 3ª Região Militar (3ª RM), por intermédio do Sistema de Fiscalização de Produtos controlados composta por outras 36 unidades. A 3ª RM coordena a execução das operações interagências para inspecionar e fiscalizar pessoas físicas e jurídicas que exerçam atividades com produtos controlados pelo Exército e os locais onde há suspeita de irregularidades no Estado.

A realização dessa operação faz parte de um conjunto de medidas adotadas pelo Exército Brasileiro para tornar cada vez mais eficiente a fiscalização do comércio de armas e munições, trabalho este que é realizado contínua e ininterruptamente pela Força Terrestre.

Outras informações poderão ser obtidas com a Seção de Comunicação Social do 1º Batalhão de Comunicação Social ou na Seção de Fiscalização de Produtos Controlados, pelo telefone (55) 3313-1100, ramal 2037.



Crédito: 2º Sgt Martins