1° Sargento Alfredo assume como Adjunto de Comando do CCFEx

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 13 fev 2019

Rio de Janeiro (RJ) – No dia 13 de fevereiro, foi realizada uma formatura geral no Ginásio Ling, da Escola de Educação Física do Exército (EsEFEx). A atividade teve como finalidade apresentar o 1º Sargento Alfredo Dias de Oliveira Júnior como Adjunto de Comando do Centro de Capacitação Física do Exército (CCFEx).

A função de Adjunto de Comando foi criada em maio de 2015 por meio da Portaria do Estado-Maior do Exército NR 103 e tem a finalidade de destacar subtenentes e primeiros sargentos do Exército por sua reconhecida competência profissional e ilibada conduta pessoal, contribuindo assim para valorização desses militares e consequentemente, melhor gestão das organizações militares e obtenção da sua operacionalidade.

O 1º Sargento Alfredo incorporou como soldado na Força Aérea Brasileira, em 2 de agosto de 1993. Realizou o curso de Infantaria na Escola de Aperfeiçoamento de Sargentos das Armas (EASA), sendo promovido à 3º Sargento em 27 de novembro de 1998; passou pelo Estágio Básico do Combatente de Montanha em 1998; pelo Curso de Monitor de Educação Física em 2002; pelo Estágio de Segurança de Autoridade em 2006; e pelos Cursos de Aperfeiçoamento de Sargentos e Adjunto de Comando na EASA, respectivamente em 2008 e 2018.

Oriundo do Gabinete do Comandante do Exército, em Brasília, o 1º Sargento Alfredo ficará encarregado de assessorar o Comandante do CCFEx, General Allão, em assuntos de interesse do Centro; e facilitar a comunicação entre o Comando e os praças.

Durante a solenidade, o General Allão citou sua participação na Diretriz de Implantação do Cargo de Adjunto de Comando e ressaltou as qualidades que fizeram o 1º Sargento Alfredo ser nomeado ao posto. “Eu estava em Brasília, quando o General de Exército Sérgio Westphalen Etchegoyen criou o cargo. Na ocasião, pude trabalhar com o 1º Sargento Alfredo, e por isso, reconheço suas competências e ratifico que o militar é de minha total confiança”, destacou o Gen Allão.



Fonte:CCFEx