Nobre missão de defender a Amazônia é relembrada por ex-integrantes do 51º Batalhão de Infantaria de Selva

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 23 jan 2019
Crédito: Cb S. Cruz, Sd Joab Pires

Altamira (PA) – No dia 19 de janeiro, com o objetivo de realizar a troca de experiências e conhecimentos de interesse comum, manter os laços de amizade e valorizar os serviços prestados ao Exército Brasileiro, o 51º Batalhão de Infantaria de Selva (51º BIS) promoveu um encontro com os militares da Reserva pró-Ativa da turma de 2001.

Abrilhantaram a atividade antigos integrantes do “Batalhão Sentinela do Xingu”, que relembraram a experiência vivida na caserna durante os anos de atividade militar, enaltecendo a nobre causa de cumprir a missão de defesa e desenvolvimento da Amazônia.

Os convidados assistiram a uma palestra institucional ministrada pelo Comandante da Unidade e visitaram o aquartelamento, incluindo a Base de Selva, local onde foi conduzida, pelo Segundo-Sargento de Infantaria Washington Gleydson da Silva Barros, possuidor do Curso de Operações na Selva e integrante da turma de recrutas de 2001, a Oração do Guerreiro de Selva.

Fonte: 51º BIS