Mártires da Intentona Comunista são homenageados no Forte do CMO

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 30 nov 2018
Crédito: Sgt Paulo Henrique e Sd P. Lopes

Campo Grande (MS) – A Intentona Comunista, ocorrida em 27 de novembro de 1935, foi um ato heróico daqueles que tombaram na defesa da Pátria e, como forma de reverenciar a memória das vítimas desse episódio, na sexta-feira, 30 de novembro, foi realizada uma formatura no Campo de Parada General Plínio Pitaluga, no Forte do CMO, com a presença de autoridades militares.

O Comandante Militar do Oeste, General de Exército Lourival Carvalho Silva, relembrou os fatos, ressaltando que cabe a todos os integrantes do Forte do CMO renderem a sua homenagem aos militares que tombaram em defesa da democracia e legalidade, “a Intentona Comunista foi uma tentativa de rebelião contra o Governo da República, liderada pela aliança nacional libertadora com forte motivação comunista, sob a influência do ideário da internacional socialista”, disse o general.

Durante a formatura foi executado o toque de silêncio em memória de nossos heróis e, ao mesmo tempo, foram executadas três descargas de fuzil. Ainda como forma de homenagem, foi realizada uma chamada nominal aos militares que contribuíram para a manutenção dos elevados anseios de liberdade e democracia do povo brasileiro. A cada nome chamado, a tropa respondia: “Presente”. O desfile da tropa marcou o encerramento da formatura.

Fonte: CMO