Instrutores do Exército Brasileiro em El Salvador realizam salto com paraquedas

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 27 nov 2018

San Salvador (El Salvador) – Instrutores do Exército Brasileiro em El Salvador realizaram, em 27 de novembro de 2018, salto com paraquedas de aeronave militar estrangeira em voo na zona de lançamento Aguilares.

O TC Int Paulo Vladimir Sousa da Silva, Instrutor da Escola de Comando e Estado-Maior "Dr. Manuel Enrique Araujo", e o 1° Sgt Inf Tacílio Leonardo Ferreira de Oliveira, Monitor da Escola de Infantaria "General Manuel José Arce", realizaram atividade de salto com paraquedas em aeronave militar estrangeira acompanhando o Curso Básico de Paraquedismo para Cadetes da Escola Militar “Capitán General Gerardo Barrios”.

A atividade, proposta pelo Estado-Maior Conjunto da Força Armada de El Salvador e autorizada pelo Estado-Maior do Exército Brasileiro, teve como objetivo o intercâmbio entre paraquedistas estrangeiros em missão em El Salvador.

 

A missão do Exército Brasileiro em El Salvador

A presença militar brasileira em El Salvador teve origem na ONUSAL. De 1991 a 1992, o Brasil contribuiu com um total de 67 observadores militares, 15 observadores policiais e uma equipe médica.

Posteriormente, a cooperação de instrução militar iniciou, em 1995, na Escola de Comando e Estado-Maior “Dr. Manuel Enrique Araujo”, com dois oficiais superiores. Em 2011, a missão do Exército Brasileiro em El Salvador teve um incremento com mais dois instrutores na Escola de Infantaria “General Manuel José Arce”, sendo um capitão e outro sargento.

Fonte: Oficial de Ligação do Brasil em El Salvador