HMASP inaugura Sala de Dor Torácica

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 26 nov 2018
Da esquerda para direita: Gen Adalmir, Gen Szelbracikowski, Gen Modesto, Gen Archias e Prof Dr Antônio Carlos Lopes

São Paulo (SP) – O Hospital Militar de Área de São Paulo (HMASP) inaugurou  uma nova instalação, dentro do Posto de Socorro, especifica para dores no peito: a Sala de Dor Torácica. 

O local visa garantir a qualidade de atendimento prestado aos pacientes que apresentam dor no peito de forma objetiva e rápida, por meio de uma  triagem desses pacientes. Assim priorizando o atendimento emergencial para a cardiologia, evitando futuros riscos aos pacientes, garantido uma melhor assistência.

 

Entenda a Dor Torácica

Dor torácica é a sensação de dor ou desconforto, localizada na região anterior do tórax. Frente a um sintoma de dor, devemos definir os seguintes aspectos: localização, irradiação, característica, duração, fatores precipitantes, fatores que melhoram e pioram a dor e, ainda, os sintomas associados.

A dor de origem cardíaca causada pela doença arterial  coronariana (angina do peito ou infarto do miocárdio) é localizada na região central do tórax (retroesternal) ou difusa, podendo irradiar-se para outras áreas.

A dor de origem cardíaca pode se manifestar apenas em seus possíveis locais de irradiação. Quando  falamos em dor torácica de origem cardíaca, subentende-se toda uma área de possível de irradiação, que vai desde a mandíbula até o umbigo, incluindo ambos os braços, a região posterior do tórax, o pescoço, a mandíbula e a boca do estômago. Uma dor torácica anterior, irradiada para ambos os braços, é altamente sugestiva de uma origem coronariana.

 

Procure ajuda médica imediata se: 

  • Sentir pressão, aperto ou dor no peito repentina e intensa
  • A dor no peito se irradiar para a mandíbula, braço esquerdo ou entre as escápulas
  • Você tiver náusea, tontura, suor, taquicardia ou dificuldade respiratória
  • Você souber que tem angina e a dor no peito se intensificar de repente, ou se a dor for causada por atividades mais leves ou durar mais do que o usual
  • Seus sintomas de angina ocorrerem quando você estiver em repouso
  •  Você tiver uma dor repentina e aguda no peito, com dificuldade para respirar, principalmente depois de uma viagem longa, de um período de cama (por exemplo, após uma cirurgia) ou de outra falta de movimentação, principalmente se uma perna estiver inchada ou mais inchada do que a outra (isso poderia ser um coágulo sanguíneo).

 



Fonte:Hospital Militar de Área de São Paulo