No contexto de defesa da Pátria, Operação Membeca envolve mais de 3 mil militares da 1ª Divisão de Exército


Resende (RJ) – Entre os dias 29 de outubro e 2 de novembro, no Campo de Instrução da Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN), na cidade de Resende (RJ), o Comando da 1ª Divisão de Exército (1ª DE) realizou a Operação Membeca.

O Exercício de Adestramento Avançado contou com a participação da 4ª Brigada de Infantaria Leve (Mth), do Grupamento de Unidades Escola – 9ª Brigada de Infantaria Motorizada, da Artilharia Divisionária da 1ª Divisão do Exército (AD/1), todas Grandes Unidades subordinadas à 1ª DE, além da Brigada de Infantaria Paraquedista e da Aviação do Exército.

Ao todo, 3.260 militares, 436 viaturas e 3 helicópteros estiveram diretamente envolvidos na operação, realizada em um contexto de defesa da Pátria. a atividade consagrou o Ano de Instrução de 2018.

Durante cinco dias, foram realizados exercícios de infiltração; assalto aeroterrestre; conquista e manutenção de cabeça de ponte aérea; assalto aeromóvel; junção, substituição em posição, entre outras atividades.

Durante o exercício, foi realizada uma demonstração de artilharia, organizada pela AD/1, empregando o Sistema Gênesis. Produzido pela Indústria de Material Bélico do Brasil (IMBEL), ele otimiza o planejamento e coordenação de fogos. Na oportunidade, estiveram presentes os seguintes oficiais-generais da reserva: General de Exército R/1 Muniz, General de Divisão R/1 Macedo, General de Brigada R/1 Lajóia e o General de Brigada R/1 Olivo.



Fonte:1ª DE