A árdua missão logística militar na Amazônia Ocidental, que possui quase 10 mil km de faixa de fronteira


Manaus (AM) – A 12ª Região Militar (12ª RM), por meio do seu Centro de Coordenação de Operações Logísticas, cumpre a missão de planejar e coordenar as operações de transporte, manutenção e suprimento no âmbito do Comando Militar da Amazônia (CMA).

O Centro conta com a participação funcional de 63 militares, sendo dividido em Seção de Planejamento, de Abastecimento, de Material e de Coordenação de Operações Logísticas, buscando sempre atuar em prol da logística do Exército Brasileiro na Amazônia Ocidental. Tal composição permite, também, que seja capaz de evoluir, rapidamente e com um mínimo de adaptações, de uma situação de tempo de paz para a de conflito armado ou crise.

Todo esforço é direcionado para contribuir com o aumento do nível de operacionalidade da tropa, otimização dos processos logísticos e melhoria das condições de trabalho dos militares e seus familiares na Amazônia, principalmente nos Pelotões Especiais de Fronteira. A logística na Amazônia é uma das mais complexas do País, perfazendo um total de, aproximadamente, 9 mil km de faixa de fronteira.

Dessa forma, os mais de 20.000 homens e mulheres, independente em qual área da Amazônia Ocidental estejam atuando, receberão a devida atenção e suporte logístico para, com isso, poderem melhor desempenhar sua função, especialmente, na defesa da fronteira brasileira e manutenção da soberania nacional.



Fonte:12ª RM