Ação comunitária recreativa marca as comemorações do Dia da Família Militar com diversão para as crianças

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 22 set 2018
Crédito: Tenente Edvaldo

Brasília (DF) – Um início de dia diferente, cheio de atrações e muita diversão.  Assim foi a manhã desse sábado, 22 de setembro, para quem esteve na Praça Tom Jobim, no Setor Militar Urbano, em Brasília. Promovida pelo Comando Militar do Planalto e 11ª Região Militar, uma ação comunitária recreativa marcou a comemoração do Dia da Família Militar na Capital Federal. A data lembra o dia 18 de setembro, aniversário de nascimento de Dona Rosa da Fonseca, matriarca de uma das mais célebres linhagens militares do Brasil, que inclui um de seus filhos, o Marechal Deodoro da Fonseca, Proclamador da República e primeiro Presidente do País.

O público que prestigiou a festa não poderia ser mais representativo para a ocasião. Famílias inteiras aproveitaram a estrutura montada no local para atividades culturais e de lazer. Quem mais aproveitou, é claro, foi a criançada, que curtiu pra valer os brinquedos e guloseimas. As crianças também tiveram oportunidades raras de divertimento, como passeio em cavalos do 1º Regimento de Cavalaria de Guardas, apresentação dos cães de guerra do Batalhão de Polícia do Exército de Brasília, show do Coral do Colégio Militar de Brasília pista de cordas e até uma voltinha nos blindados Guarani, do 3º Esquadrão de Cavalaria Mecanizado.

Ao lado da diversão, a ação comunitária reservou espaço para momentos de promoção de práticas saudáveis e bem-estar. Alguns exemplos foram as instruções básicas de primeiros socorros, a oficina de cozinha alternativa do SESI e a promoção da higiene bucal, por meio do teatro de fantoches. Tudo em um clima de descontração e alegria, brindando a chegada da primavera.

O Comandante do Exército, General de Exército Eduardo Dias da Costa Villas Bôas, prestigiou a ocasião, que também contou com a presença de Comandantes, Chefes e Diretores de organizações militares da guarnição de Brasília.

O Comandante Militar do Planalto, General de Divisão Sérgio da Costa Negraes, ressaltou que a data busca valorizar o círculo familiar daqueles que vestem a farda verde-oliva, enfrentando as dificuldades de quem abraçou profissão tão peculiar. “É uma vida cheia de aventuras, como as transferências para várias partes do Brasil, além de ausências prolongadas dos militares, por razões diversas. Trata-se de uma família normalmente muito unida, de apoio mútuo entre seus integrantes. É simbólico estarmos comemorando essa data dentro da área de uma Vila Militar, onde residem algumas dessas famílias, que merecem todas as homenagens”, destacou.



Fonte:Agência Verde-Oliva

Crédito: Tenente Edvaldo