Curso de Infantaria da Academia Militar das Agulhas Negras executa tiro de fração nível Grupo de Combate e tiro real do morteiro 81 mm, importantes para a forja do combatente de Sampaio

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 19 set 2018

Rio de Janeiro (RJ) – Entre os dias 12 e 13 de setembro de 2018, o 2º Ano do Curso de Infantaria da Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN) realizou importantes instruções para a forja do combatente de Sampaio.

No Campo de Instrução da AMAN, os cadetes executaram o tiro de fração nível Grupo de Combate e o tiro real do morteiro 81 mm. As instruções possibilitaram que os cadetes entendessem as formas de emprego em combate de um Pelotão de Fuzileiros, unindo os conceitos do apoio de fogo e do fogo e movimento.

Na oportunidade, os cadetes ocuparam posições defensivas e realizaram fogos longínquos, defensivos aproximados e de proteção final da área de defesa avançada de um Pelotão de Fuzileiros. Também foi executado um assalto nível GC a uma posição defensiva na crista militar de uma elevação.

Já na jornada de instrução com o morteiro 81mm, os cadetes se revezaram nas funções atinentes à linha de fogo, central de tiro e observador avançado, com emprego de granadas auto-explosivas, fumígenas e iluminativas, proporcionando ao Sangue Novo o contato essencial com um dos armamentos mais versáteis da Infantaria.

Fonte: AMAN


Fonte:AMAN