Colaboração de Instrução para Escola de Aperfeiçoamento de Oficiais

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 29 ago 2018
Crédito: CB Reis/SD Marcelo Santos

São Paulo (SP) – Nas tardes dos dias 27 e 28 de agosto, o Arsenal de Guerra de São Paulo (AGSP) recebeu as visitas de comitivas da Escola de Aperfeiçoamento de Oficiais (EsAO).

No primeiro dia de atividades, o General de Brigada Marcos de Sá Affonso da Costa, Comandante da EsAO, acompanhou e participou dos eventos preparados para os cursos de Material Bélico e de Intendência, composto por 83 capitães-alunos, entre os quais um Fuzileiro Naval da Marinha do Brasil e três militares de nações amigas e, no dia seguinte, o Curso de Cavalaria, com 62 militares, realizou a visita na Unidade.

As visitas fazem parte de estágios de inovação, previstos no Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais.

Durante as visitas, o AGSP apresentou seus trabalhos de inovação dentro do processo de revitalização do Obuseiro 105mm M56 OTO Melara, quando foram destacados os resultados da nacionalização de componentes com a incorporação de melhorias tecnológicas.

As comitivas também tiveram oportunidade de conhecer o trabalho do Arsenal no desenvolvimento de ferramentas e novas técnicas de oficina, capazes de garantir um elevado patamar de disponibilidade de material.

Além da excelência da Oficina de Manutenção de Armamento Pesado, os capitães-alunos percorreram o Laboratório de Inovação em Engenharia de Manutenção (LIEM), que foi criado em 2017 e está sendo empregado no desenvolvimento do programa de revitalização do Obuseiro L118 Light Gun.

Também foi apresentado às comitivas o protótipo de modernização da Viatura Blindada de Reconhecimento EE-9 Cascavel, com os diversos avanços tecnológicos incorporados no veículo, cujo projeto de obtenção está sob a responsabilidade da Diretoria de Fabricação.



Fonte:AGSP

Crédito: CB Reis/SD Marcelo Santos