Mais que intensificar presença do Estado, Operação Ajuricaba coíbe crimes transfronteiriços e ambientais.


Publicação: Ter, 15 mai 2018 13:30:00 -0300

Cruzeiro do Sul (AC) – De 6 a 12 de maio, o 61º Batalhão de Infantaria de Selva (61º BIS) executou a Operação Curare Ajuricaba I, coordenada pela 17ª Brigada de Infantaria de Selva (17ª Bda Inf Sl), sediada em Porto Velho (RO).

A operação abrangeu os estados do Acre, Rondônia e Amazonas. Na região do Alto Juruá, o 61° BIS desenvolveu a sua missão principal: intensificar a presença do Estado, coibindo crimes transfronteiriços e ambientais, abrangendo as cidades de Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima, Rodrigues Alves, Marechal Thaumaturgo, no estado do Acre; e a cidade de Guajará, no estado do Amazonas. Nesses locais, foram realizadas vistorias relacionadas à fiscalização de produtos controlados.

Foram desenvolvidas patrulhas terrestres e fluviais; postos de bloqueio e controle de estradas (PBCE); postos de bloqueio e controle fluviais (PBCFlu); revista de aeronaves, de veículos e de embarcações; reconhecimento de fronteira em terras indígenas; e levantamentos de inteligência.

Ao longo da operação, foi preso um brasileiro e com ele uma embarcação; além de uma espingarda calibre .16 com três munições; um carregador 7,62 de fuzil AK-47 municiado; moeda peruana ($ 26,50 Nuevos Soles); e 20g de entorpecentes, provavelmente cocaína. Ainda houve a apreensão de duas espingardas calibre .22, ambas sem a numeração e três simulacros de pistola. Todos os envolvidos foram conduzidos para a Delegacia de Policia.

A Operação AJURICABA I empregou cerca de 140 militares do 61º BIS e contou com o apoio de integrantes da Marinha do Brasil, da Polícia Militar e da Civil e do Instituto Chico Mendes da Biodiversidade (ICMBio).

 

Ações Cívico Sociais

Paralelamente à Operação, foram desenvolvidas ações cívico-sociais (ACISO) na comunidade Buritirana 3, em Rodrigues Alves, onde foram realizados 82 atendimentos médicos, 32 atendimentos odontológicos, 136 atendimentos de prevenção de saúde e distribuição de medicamentos. A Banda de Música do 61º BIS realizou apresentação, levando cultura para a comunidade local, mostrando a “Mão Amiga” do Exército Brasileiro.


Fonte:61º BIS