23ª Brigada de Infantaria de Selva celebra o Dia da Vitória no 1° Grupo de Artilharia de Campanha de Selva, que teve participação nas campanhas da Itália, durante a Segunda Guerra Mundial.

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 09 mai 2018

Marabá (PA) – A data ficou marcada na História pela rendição incondicional da Alemanha Nazista e pelo consequente fim da Segunda Guerra Mundial, com a capitulação do eixo Berlim-Roma-Tóquio.

A 23ª Brigada de Infantaria de Selva celebrou, na manhã de 8 de maio, o Dia da Vitória, com uma solenidade militar no 1° Grupo de Artilharia de Campanha de Selva (1° GAC Sl), organização militar que teve participação nas campanhas da Itália, durante a Segunda Guerra Mundial.

O dia 8 de maio de 1945 marca a vitória da democracia, da justiça e da liberdade sobre as forças da opressão e da intolerância, além de lembrar os sacrifícios e glórias do Brasil e dos aliados na Segunda Guerra Mundial e a memória de todos aqueles que enfrentaram as agruras do combate, em especial, dos que perderam suas vidas a serviço pela Pátria, deixando um inestimável legado de valores e virtudes.

Durante a solenidade no 1° GAC Sl, a tropa entoou a Canção do Expedicionário e, em seguida, foi lida a Ordem do Dia alusiva à data. Em suas palavras, o General Eugênio Pacelli Vieira Mota, Comandante da 23ª Bda Inf Sl, enalteceu os feitos dos Pracinhas da Força Expedicionária Brasileira (FEB) e afirmou que “foi naquela guerra que se forjou o espírito do soldado brasileiro”, então representados pelos integrantes do Regimento, hoje instalado em Marabá como 1° Grupo de Artilharia de Campanha de Selva.

Na mesma solenidade foram entregues as medalhas “Exército Brasileiro” para 12 senhoras que se destacaram na manutenção da boa imagem do Exército com ações voltadas para a família militar, além de duas promotoras estaduais agraciadas.

Após a formatura, foi realizada uma demonstração de entrada em posição de uma peça de Artilharia, guarnecida por militares do 1° GAC Sl, trajando os uniformes históricos,  reconstituindo o último tiro dado pela FEB na Segunda Guerra Mundial.



Fonte:23ª Bda Inf Sl