Colégio Militar do Recife: profusão de medalhas na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas.

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 15 ago 2017

Recife (PE) – Ocorreu, em 11 de agosto, no Colégio Militar do Recife (CMR), uma solenidade em homenagem aos  premiados na 12ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP), na qual foram destacados, além dos alunos-destaques, os professores Alberis Lins de Souza e Coronel R1 Luiz Maurício da Câmara França.

No total, o estabelecimento de ensino recebeu  31 medalhas (4 ouros, 15 pratas e 12 bronzes), bem como 11 menções honrosas. No âmbito do estado de Pernambuco, o CMR obteve 25% das medalhas de ouro e 17,5% de todas as medalhas conquistadas.

“É a primeira vez que ganho a mais a alta condecoração e espero manter o nível nos próximos anos. Para isso, comecei a estudar desde o início deste ano e tive contato com assuntos de níveis mais altos que o meu.”, disse o Aluno Gabriel Nobuaki Nojima, um dos quatro medalhistas do Colégio, que recebeu medalha de ouro no Nível I da OBMEP.

Os outros três medalhistas de ouro foram os Alunos Clarice Lie Sakaguchi Barros e Renato Hideki Shinozaki Mendes, no Nivel II; e o Aluno Ulisses Ferreira de Sousa, no Nível III.

 

O que é a OBMEP?

A Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) é realizada pelo Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA) e tem como objetivo estimular o estudo da matemática e revelar talentos na área. É desenvolvida duas fases, divididas em três níveis: Nível I, que engloba os 6º e 7º anos do Ensino Fundamental; Nível II, que abarca os 8º e 9º anos do Ensino Fundamental; e Nível III, para todos os anos do Ensino Médio.

Escolas públicas e privadas de todo o Brasil são convidadas para participarem da atividade. No CMR, é direcionada a todos os alunos do estabelecimento de ensino, permitindo o melhor desenvolvimento dos estudantes e despertando possíveis interesses em profissões relacionadas à área.



Fonte:CMR