Encerramento da turma 2016/2017 do CHQAO

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 26 jul 2017

O Sistema de Ensino Militar do Exército Brasileiro segue a premissa básica da educação continuada. Nesse sentido, o Curso de Habilitação ao Quadro Auxiliar de Oficiais (CHQAO) busca a capacitação institucional das Praças nas áreas de administração de pessoal, finanças e logística da Força Terrestre, nivelando conhecimentos essenciais ao futuro integrante daquele Quadro. O curso tem por objetivo habilitar os subtenentes à ocupação de cargos e ao desempenho de funções previstas para o QAO, sendo realizado em dois anos letivos. O regime escolar é o do Ensino à Distância (EAD), nas Organizações Militares em que servem os militares matriculados ou nas representações fora da Força e no exterior.

No dia 21 de julho, foram realizadas cerimônias de encerramento da Turma 2016/2017 do CHQAO em diversas Guarnições por todo o Brasil.

Em Santa Maria (RS), a 3ª Divisão de Exército promoveu a atividade no auditório da 6ª Brigada de Infantaria Blindada, com as presenças dos 48 subtenentes concluintes. O evento foi presidido pelo Comandante da 3ª DE, General de Divisão Marcos Antonio Amaro dos Santos.

Já no Rio de Janeiro (RJ), a cerimônia ocorreu na Escola de Instrução Especializada. A solenidade de conclusão de curso pelos 132 subtenentes pertencentes às guarnições do Rio de Janeiro e da Vila Militar foi presidida pelo Chefe do Departamento de Educação e Cultura do Exército, General de Exército Mauro Cesar Lourena Cid.

O Curso:

Embora o CHQAO tenha iniciado suas atividades em 2012, seu marco regulatório data de 27 de fevereiro de 1984, com a assinatura da Portaria Ministerial nº 171. Em 2009, o Estado-Maior do Exército (EME) iniciou estudos, com participação do Departamento de Educação e Cultura do Exército, para ativação do curso, implementado três anos depois, tendo sido consideradas implicações no plano de carreira e fluxo de promoções.

A implementação do CHQAO é consequência de uma série de mudanças e exigências decorrentes do processo de transformação em andamento no Exército Brasileiro e será um pré-requisito para ingresso no QAO a partir do ano de 2019, inclusive. O acesso acontece mediante concurso de admissão, com o número de vagas e o universo de seleção estabelecidos anualmente pelo EME.



Fonte:3ª DE e EsIE