CPOR/SP promove seu "I Simpósio de Justiça Militar"

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 27 jun 2017

São Paulo (SP) – Ocorreu, nos dias 20 e 21 de junho, no “Centro Solar dos Andradas”, o 1º Simpósio de Justiça Militar para alunos do Centro de Preparação de Oficiais da Reserva de São Paulo (CPOR/SP) e oficiais-alunos da Academia de Polícia Militar do Barro Branco (APMBB).

O evento teve por objetivos: proporcionar informações atualizadas de autoridades, magistrados e promotores sobre temas importantes da Justiça Militar; estimular o debate de temas jurídicos relevantes para o meio acadêmico e militar; promover a intensificação dos contatos com representantes do Poder Judiciário da União e do Estado de São Paulo; e promover a integração do CPOR/SP e da APMBB, como escolas tradicionais de formação de líderes da sociedade paulista.

Na oportunidade, houve a participação de palestrantes  das seguintes Instituições:  Superior Tribunal Militar, Tribunal de Justiça Militar do Estado de São Paulo, Ministério Público Militar, Ministério Público do Estado de São Paulo e Defensoria Pública da União.

Foram ministradas as seguintes palestras:

- "Crime Organizado e o PCC", pelo Doutor Márcio Sérgio Christino, Procurador de Justiça do Ministério Público de São Paulo;

- "O Ministério Público do Estado de São Paulo", pelo Doutor Gianpaolo Poggio Smanio, Procurador-Geral de Justiça do Estado de São Paulo;

- "Operações de Garantia da Lei e da Ordem", pelo Coronel Fernando Garrone Palma Velloso, Chefe de Gabinete no Superior Tribunal Militar;

- "Crime Militar", pelo Doutor Luís Antônio Grigoletto, Promotor de Justiça Militar;

- "A Justiça Militar Estadual", pelo Doutor Silvio Hiroshi Oyama, Presidente do Tribunal de Justiça Militar do Estado de São Paulo;

- "A Justiça Militar da União: História, Organização e Competência", pelo Doutor Péricles Aurélio Lima de Queiroz, Ministro do Superior Tribunal Militar e Tenente R2 de Infantaria da turma de 1973 do CPOR/SP.

- "O papel da Defensoria Pública da União no Sistema de Justiça", pelo Doutor Carlos Eduardo Barbosa Paz, Defensor Público-Geral Federal.

Além das autoridades palestrantes, o evento foi prestigiado pelo Comandante Militar do Sudeste, General de Exército João Camilo Pires de Campos; pelo Comandante Geral da Polícia Militar do Estado de São Paulo, Coronel PM Nivaldo César Restivo; pelo Comandante da APMBB, Coronel PM Sérgio Feletto; além de convidados e amigos do CPOR/SP.

Durante o evento, ocorreu uma formatura, na qual o Corpo de Alunos do CPOR/SP e da APMBB uniram-se ombro a ombro no lendário Pátio Patriarca da Independência, representando a união de forças e de ideais do Exército Brasileiro e da Polícia Militar do Estado de São Paulo. O General Campos relembrou, em suas palavras, que o mesmo Exército e a mesma Polícia Militar já estiveram em forma, lado a lado e unidos, no mesmo pátio, em fatos importantes da História do Brasil, para defenderem a sociedade.

O simpósio permitiu, ainda, a integração dos futuros Oficiais da Reserva do Exército Brasileiro e da Polícia Militar do Estado de São Paulo, agregando conhecimentos para cumprirem suas missões constitucionais, baseados nos preceitos da legalidade e da legitimidade.



Fonte:CPOR/SP