Exército desenvolve práticas de sustentabilidade ambiental na Ferrovia de Integração Oeste-Leste

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 10 dez 2020

João Pessoa (PB) – Várias práticas de sustentabilidade ambiental estão sendo implementadas na área do Lote 6F da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (FIOL). Como parte da mobilização de meios, realizada desde junho deste ano, as equipes de meio ambiente do 1º Grupamento de Engenharia (1º Gpt E), do 4º Batalhão de Engenharia de Construção (4º BEC) e da Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A. deram início, em 23 de novembro, às atividades para conscientizar e capacitar as equipes de trabalho sobre a adoção de técnicas adequadas, a fim de  diminuir os impactos ambientais da implantação do trecho de responsabilidade do Exército.

Engenheiros ambientais do 1º Gpt E e do 4º BEC realizaram um treinamento sobre Gestão Ambiental de Obras para cerca de 100 militares da 1ª Companhia de Engenharia e Construção do 4º BEC, mobilizados no Destacamento Guará, montado no povoado de Ponte Velha, distrito de Santa Maria da Vitória (BA). Na oportunidade, foram abordados assuntos como controle de vazamentos de óleo, armazenamento de produtos químicos e top soil, proteção de árvores, controle de saída de sedimentos, proteção de poços de visita e gestão de resíduos.
Além da capacitação, as atividades realizadas no canteiro de obras são precedidas por diálogos in loco com os militares e os civis sobre gestão ambiental, visando realizar o controle e evitar possíveis contaminações, e segurança na utilização de ferramentas e Equipamentos de Proteção Individual (EPIs).

Com as orientações fornecidas às equipes nos treinamentos, foi possível dar início aos trabalhos de supressão vegetal, com o objetivo de auxiliar no afugentamento e na captura da fauna silvestre e de artrópodes. Os serviços, que incluíram a captura e soltura de animais, foram acompanhados por profissionais habilitados, tais como veterinário e biólogo, intentando respeitar a natureza em seu valor máximo.
O trabalho na FIOL, que consiste na construção de um trecho de 18,34 quilômetros de ferrovia, entre Bom Jesus da Lapa (BA) e São Desidério (BA), é fruto de uma parceria do Exército Brasileiro com a Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A., e está sob a coordenação do 1º Gpt E, sendo executada pelo 4º BEC, sediado em Barreiras (BA), reforçado pelo 2º Batalhão Ferroviário (2º BFv), de Araguari (MG).

Fonte: 1º Gpt E