Encerramento do Exercício AZUVER 2020

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 09 nov 2020

Rio de Janeiro (RJ) – No período de 21 de setembro a 5 de novembro, ocorreu o tradicional Exercício AZUVER. Trata-se de um exercício de planejamento e condução de operações militares, realizado nos níveis operacional e tático, que envolveu mais de 400 militares das três escolas de altos estudos militares das Forças Armadas: Escola de Guerra Naval (EGN), Escola de Comando e Estado-Maior do Exército (ECEME) e Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR), sob orientação do Ministério da Defesa (MD).

O último dia do evento foi coroado com a realização de uma análise pós-ação (APA), na ECEME, com a presença do Chefe de Operações Conjuntas do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMCFA), Almirante de Esquadra Petrônio Augusto Siqueira de Aguiar, do Comandante de Defesa Cibernética, General de Divisão Guido Amin Naves, do Subchefe de Operações da Chefia de Operações Conjuntas do EMCFA, General de Brigada José Eduardo Leal de Oliveira, dos comandantes das três escolas coirmãs, além da comitiva de militares do Ministério da Defesa.

O Comandante da ECEME, General de Brigada Marcio de Souza Nunes Ribeiro, mencionou a importância do exercício, que em 2020 teve a sua 30ª edição, com a consolidação de diversas temáticas militares, tais como defesa cibernética, operações psicológicas e assistência humanitária, proporcionando a evolução da doutrina de operações conjuntas e a integração entre as Forças.

Na oportunidade, instrutores das três escolas apresentaram os principais aspectos dos planejamentos realizados e indicaram pontos fortes e oportunidades de melhoria para o exercício.

Encerrando a atividade, o Chefe de Operações Conjuntas do EMCFA ressaltou a importância do exercício para a evolução da Doutrina Militar, assim como para a interoperabilidade entre as Forças.

Durante o evento foram observadas as medidas sanitárias preventivas contra a pandemia COVID-19.

Fonte: ECEME