Encerramento do 4º Exercício de Ajuda Humanitária, em conjunto com a Defesa Civil de Santa Catarina

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 05 out 2020
Crédito: 5ª DE

Florianópolis (SC) – No dia 30 de setembro, encerraram-se os incidentes simulados do 4º Exercício de Ajuda Humanitária, na cidade de Tubarão, em Santa Catarina. O segundo e último dia com incidentes começou durante a madrugada, quando uma pessoa ilhada foi resgatada pela Força-Tarefa do Corpo de Bombeiros e transportada em um bote para a outra margem do rio. Esta atividade teve auxílio de tropas do Exército Brasileiro que estavam presentes na segurança do local com uma equipe médica.

Durante a manhã, houve um incidente simulado de evacuação de parte do Presídio Masculino de Tubarão, onde pela primeira vez, o Exército Brasileiro, representado por tropas da 14ª Brigada de Infantaria Motorizada, acompanhado do Departamento de Administração Prisional (DEAP) de Santa Catarina, Polícia Militar e Polícia Civil, realizaram uma ação coordenada. A ação aconteceu em um local inundado pelas enchentes e teve como objetivo evacuar os detentos para outro presídio seguro, distante das inundações que assolavam o município de Tubarão, tudo isso dentro de um quadro fictício.

Durante a tarde, ocorreu um incidente em que foi simulado a situação de um trabalhador da construção civil que atuava na construção de uma ponte e foi arrastado pela correnteza do rio. Nesse contexto, botes da Marinha do Brasil e do Corpo de Bombeiros fizeram o resgate desse trabalhador e o colocou em uma ambulância do Exército. Devido à gravidade do acidente, foi necessário o resgate por meio de um helicóptero da Polícia Militar, com o objetivo de realizar uma evacuação aeromédica para um hospital mais próximo.

Outros incidentes simulados também ocorreram como: entrega de medicamentos para a população vítima das inundações, evacuação de escola, patrulhamento ostensivo em vias urbanas, enfrentamento de turba, que almejava realizar saques em estabelecimentos comerciais, e resgate de pessoas soterradas em suas residências.

Por fim, o 4º Exercício de Ajuda Humanitária, coordenado pela Defesa Civil Estadual e pela 14ª Brigada de Infantaria Motorizada, encerrou as atividades com a reunião da Análise Pós Ação (APA), que tem por finalidade a integração, a ação de conjunto e a parceria entre as agências federais, estaduais e municipais, com o objetivo de avaliar todas as atividades realizadas durante o exercício e aprimorar os conhecimentos para o próximo ano.

Fonte: 14ª Bda Inf Mtz