Centenário de Criação do Serviço de Intendência

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 28 set 2020

O Exército Brasileiro (EB) comemora, no corrente ano, o Centenário de Criação do Serviço de Intendência, ocorrida em 1º de outubro de 1920, por meio de decreto assinado pelo Presidente da República, Epitácio Pessôa, e pelo Ministro da Guerra, Pandiá Calógeras.

Para reverenciar a atuação da Intendência na história do Exército Brasileiro e destacar sua importância para a evolução da Força Terrestre, uma diversidade de eventos e atividades está sendo realizada, conforme diretriz emanada deste Comando.

Ao voltarmos os olhos para a história, verificamos que a Intendência está associada à permanência do homem nos campos de batalha. No Brasil, confundese com a própria evolução do País, na condição de Nação independente e soberana.

De fato, as atividades do Serviço de Intendência antecedem seu ato de regulamentação, pois há registros históricos que ressaltam os relevantes trabalhos executados pelos “Soldados do Acanto”, tanto na vertente logística quanto na gestão de recursos financeiros.

Da chegada da Família Real Portuguesa, em 1808, passando pela atuação de Caxias na Guerra da Tríplice Aliança (1864-1870), durante o Império. Na Revolução Federalista (1893-1895), no Sul, e na Guerra de Canudos (1896-1897), na Bahia, durante a primeira década da República.

Nas duas Guerras Mundiais na Europa (1914-1918 e 1939-1945), na MINUSTAH (Missão de Paz das Nações Unidas para Estabilização no Haiti) (2004-2017), nos grandes eventos, nas Operações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) e de Vigilância das Fronteiras do Brasil, na intervenção federal na área de Segurança Pública do estado do Rio de Janeiro e na Força-Tarefa Logística Humanitária, em Roraima.

Desde todos os consagrados eventos até os dias atuais, o trabalho do Serviço de Intendência tem sido fundamental para os êxitos alcançados.

Nesse contexto histórico, ressaltamos a brava atuação dos integrantes do Serviço de Intendência na 2ª Guerra Mundial, como componente logístico da 1ª Divisão de Infantaria Expedicionária (1ª DIE). Em decorrência de sua destacada atuação nessa vitoriosa campanha, a Intendência recebeu o epíteto de “Rainha da Logística”.

No cenário atual, o Serviço de Intendência realiza atividades vitais nas funções logísticas de suprimento e transporte, contribuindo decisivamente para a operacionalidade da Força Terrestre. Além disso, em campanha, disponibiliza serviços essenciais para o bem-estar da tropa. Essa gama de atividades é sintetizada pelo seu lema: SUPRIR, TRANSPORTAR, SERVIR!

Na vertente orçamento e finanças, realiza a gestão dos recursos destinados ao EB que, em 2020, são da ordem de 48 bilhões de reais. Tais recursos são destinados ao preparo e emprego operacional da tropa, ao custeio das organizações militares (OM), aos Programas Estratégicos, ao pagamento do pessoal e à assistência à Família Militar.

Os aspectos operacionais e administrativos que envolvem o emprego do Serviço de Intendência demonstram sua importância para a manutenção do estado de prontidão da Força Terrestre e o quanto é imprescindível nas exigências da guerra, particularmente no atual cenário de constantes mudanças.

O Brasil necessita que o nosso Exército esteja, permanentemente, pronto para cumprir sua missão constitucional. Isso requer Forças Armadas equipadas e preparadas para os mais diversos desafios. Nesse contexto, está o profissional de Intendência capacitado a assegurar o correto emprego dos meios logísticos e a realizar a gestão dos recursos orçamentários e financeiros do EB.

Soldados do Acanto! Ao fazermos um alto-horário de reflexão acerca da centenária história do Serviço de Intendência, podemos nos orgulhar da escolha que fizeram e renovar nossas forças para prosseguirmos no aproveitamento do êxito. Assim, seguiremos marchando nos comboios, na certeza de que “pela glória do Brasil tudo faremos”, mantendo as tradições do nosso Patrono, o Marechal Bitencourt, e celebrando “nossos feitos de soldados do Brasil”!

“INTENDÊNCIA: SOLDADO DO ACANTO

UM SÉCULO DE EXCELÊNCIA NA LOGÍSTICA MILITAR TERRESTRE”

 

.: Versão em pdf para impressão.                                                                                         

Fonte: Centro de Comunicação Social do Exército