Alunos de Colégios Militares visitam a sede da ONU e o Escritório Brasileiro da Missão Permanente de Paz

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 30 jan 2020
Crédito: DEPA

Nova Iorque (Estados Unidos) – No dia 27 de janeiro, alunos do Sistema Colégio Militar do Brasil, integrantes da delegação que participará da Harvard Model United Nations - HMUN, simulação das Nações Unidas da Universidade de Harvard, visitaram a sede da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova Iorque, nos Estados Unidos da América. No mesmo dia, também foi visitado o Escritório Brasileiro da Missão Permanente de Paz junto à ONU.

A visita à ONU, programada como parte da preparação dos alunos, teve o acompanhamento do Tenente-Coronel Marco Lúcio, Assessor do Conselheiro Militar no Escritório Brasileiro. O objetivo foi conhecer a sede desse importante organismo internacional, criado em 1945, e que contou com a participação do Brasil como membro-fundador. Nosso país exerceu um papel relevante nesse período, na busca de criar uma missão permanente para garantir a representação constante nas Nações Unidas. Além disso, a ideia era criar meios para manifestar seus interesses e incorporar as prioridades da agenda internacional às suas políticas domésticas.

A delegação do Sistema Colégio Militar do Brasil visitou diversos espaços existentes dentro da sede da ONU, como a Sala do Conselho de Segurança, a Sala da Assembleia Geral, o Secretariado e a Sala do Conselho de Direitos Humanos, entre outras repartições. Os alunos testemunharam que a sede foi projetada por uma equipe de arquitetos de diversos países, sendo o projeto final baseado nas propostas de Oscar Niemeyer e Le Corbusier, além de enriquecer suas informações sobre a importância das decisões globais que ali são tomadas.

O aluno Enzo Auto, do Colégio Militar de Campo Grande, ficou impressionado com o que viu. "Acho muito interessante entrar numa sala onde as decisões do mundo são tomadas. Estou muito grato por essa oportunidade! Quando eu entrei na sala pela primeira vez, quase chorei”, revelou. O aluno João Arruda, do Colégio Militar de Recife, ainda acrescentou: “No minuto que adentrei no Conselho de Segurança, fiquei estático porque não pude acreditar que aquilo estava realmente acontecendo. Eu vinha simulando por todo esse tempo, fingia estar lá por todo esse tempo. Foi um presente e uma honra tão grande que eu não consigo nem expressar”.

Experiência ímpar

Já na visita ao Escritório Brasileiro, estavam presentes o Embaixador João Genésio, Representante Permanente Alterno do Brasil junto à ONU; o Almirante de Esquadra Liseo Zamprônio, Conselheiro Militar da Missão; o Capitão de Mar e Guerra Alexandre Amendoeira, Assessor do Conselheiro Militar; e o Tenente-Coronel Marco Lúcio, Assessor do Conselheiro Militar.

Na oportunidade, o Embaixador João Genésio enfatizou a importância para a formação dos alunos dessa vivência na participação de todas as atividades programadas. “Tudo isso compõe a experiência, não só o momento de estar na sala, mas também o cheiro da rua, cruzar com as pessoas, ver como elas se vestem, como elas se comportam. Tudo isso vai ser um aprendizado.”

O Almirante Liseo Zamprônio, ex-aluno do Colégio Militar do Rio de Janeiro, comentou que "princípios fundamentais do Exército Brasileiro servem de inspiração para esses alunos e testemunham a excelência da formação oferecida pelo sistema que integram".

O aluno Lucas Campos, do Colégio Militar de Salvador, resumiu o sentimento geral após a atividade: “Saio dessa visita com uma imensa gratidão pela enriquecedora palestra e por ter representado o meu Colégio Militar nessa etapa da nossa preparação para a HMUN 2020”, ressaltou.

Fonte: DEPA


Crédito: DEPA