No litoral baiano, 19º Batalhão de Caçadores atua em faixa de praia que vai de Arembepe a Mangue Seco

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 06 nov 2019
Crédito: Cb Almeida

Salvador (BA) – No período de 1º a 5 de novembro, o 19º Batalhão de Caçadores (19º BC), Batalhão Pirajá, participou da Operação Amazônia Azul, em resposta aos incidentes de derramamento de óleo no litoral baiano. A área sob a responsabilidade do Batalhão estende-se de Arembepe a Mangue Seco e constitui-se em uma faixa de praia de, aproximadamente, 200 km ao norte da cidade de Salvador (BA).

O 19º BC concentrou seus esforços no município de Conde, a aproximadamente 185 km de distância da capital, com um efetivo de 67 militares, para recolher quase uma tonelada de óleo nas praias da Siribinha e de Poças, com cerca de sete quilômetros de extensão.

Desde o início da operação, o volume de óleo recolhido de praias e rios do litoral nordestino já ultrapassou a marca de quatro mil toneladas.  Segundo o Ministro da Defesa, em coletiva à imprensa no dia 4 de novembro,  ainda não é possível aferir a quantidade de óleo que foi derramado e quanto ainda está para ser trazido pelas marés, apontando para a continuidade das atividades de remoção de óleo do litoral.

Fonte: 19º BC


Crédito: Cb Almeida