Museu do Expedicionário está com exposição sazonal de peças e novidades para a população

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 06 set 2019
Crédito: Sd Giovanne (5 RM)

CURITIBA (PR) – O Comando da 5ª Região Militar (5ª RM) entregou à população de Curitiba o novo Museu do Expedicionário. O prédio, de quase 70 anos, passou por um minucioso Projeto de Revitalização que englobou três vertentes principais: a melhoria das instalações físicas do Museu, a conservação e a apresentação do acervo e o incremento da interatividade com o público.

A solenidade de encerramento da primeira etapa do projeto aconteceu no dia 4 de setembro com a presença de autoridades civis e militares e com a apresentação musical da canção “Mia Gioconda” que narra a história sentimental vivida por um "Pracinha" brasileiro na Itália durante a Guerra.

Foram dois anos de trabalho ininterrupto para que o museu que guarda a memória da participação brasileira na Segunda Guerra Mundial se tornasse mais atrativo, de acordo com moderna prática museológica. Por mês, o Museu do Expedicionário recebe 3.500 visitantes que encontram no local mais de 25 mil peças originais da guerra, como armas, fardas, bandeiras, medalhas e fotografias. “Esse museu é um patrimônio da cidade, uma luz dos pinhais, e hoje agradecemos aos colaboradores desse espaço que ajudaram no projeto de revitalização”, disse o General de Brigada Aléssio Oliveira da Silva, Comandante da 5ª RM.

“Aqui é a casa dos heróis, dos que deram a vida pela Pátria. Representa o orgulho que a cidade de Curitiba sentiu por ter colaborado no triunfo da democracia”, disse o prefeito da cidade, Rafael Greca.

Melhorias
Pinturas interna e externa, restauração do Avião da Praça que está há 50 anos no local, melhorias significativas na acondicionamento, conservação e apresentação do acervo, edição de Filme Institucional para anteceder à mediação/guiamento, elaboração de pranchas informativas em Português e Inglês, duplicação dos horários de agendamento, melhorias no Auditório, Reserva Técnica e Salas de Exposição e aquisição de mobiliário e material de informática foram algumas das melhorias realizadas. Todas as mudanças foram possíveis devido ao apoio de patrocinadores, instituições públicas e privadas e também Organizações Militares de Curitiba.

Estes apoiadores foram homenageados pela Legião Paranaense do Expedicionário (LPE) e pela Direção do Museu do Expedicionário com o recebimento de um certificado de Amigos do Museu. “O Museu do Expedicionário passou por melhorias no acervo que foi digitalizado, ganhou pintura e outras reformas. Agora, vamos colocar iluminação especial para valorizar mais ainda esse que é o mais importante museu brasileiro do gênero”, disse o Prefeito.

O vice-governador, Darci Piana, foi um dos agraciados com o diploma, já que o Sistema FECOMERCIO SESC SENAC PR, do qual é presidente, apoiou o projeto de revitalização. “Fazemos isso para preservar a memória daqueles que batalharam, que lutaram que morreram pela liberdade e pela democracia. Um povo sem memória e sem passado não tem futuro”, destacou Piana.

Criação de uma Equipe Técnica

Outro diferencial do Museu do Expedicionário pode ser encontrado no trabalho da equipe técnica que está promovendo exposições sazonais para que o Museu sempre tenha novidades em seu acervo. A novidade do mês de Setembro são as histórias em quadrinhos que retratam a trajetória dos Expedicionários durante a Guerra. A equipe é chefiada pela museóloga 2º Tenente Anna Juliace que também é a responsável pelo cuidado e preservação do acervo.

Fonte: 5ª Região Militar


Crédito: Sd Giovanne (5 RM)