Podcast "Braço Forte" divulga atividades do Exército em áudios disponíveis em plataformas digitais

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 05 set 2019
Crédito: Sgt Djalma, Sd Lucas Almeida

Brasília (DF) – O Exército Brasileiro passará a divulgar suas atividades também através de podcasts, arquivos de áudio disponíveis em plataformas digitais. Nessa quinta-feira, 5 de setembro, foi gravado um episódio com o jornalista Alexandre Garcia. A gravação do podcast  "Braço Forte" ocorreu no estúdio da Rádio Verde-Oliva FM, no Quartel-General do Exército, em Brasília, com a participação do General de Divisão Richard Fernandez Nunes, Chefe do Centro de Comunicação Social do Exército (CCOMSEx).

A entrevista foi conduzida pela 1º Tenente Talita Araújo dos Anjos Barreto e por Viviane Fernandes, jornalistas do CCOMSEx, e abordou a comunicação estratégica como tema central. "Nesse aspecto, acho que o Exército está servindo como modelo para instituições civis. Temos visto a avaliação dos resultados do Exército todos os anos, nas pesquisas de opinião Trouxe aqui minha experiência na área da comunicação social, mas eu que acabei aprendendo muito. A adoção do podcast é mais um avanço do Exército, atingindo especialmente as novas gerações, que não recorrem mais à televisão como meio de informação", destacou Alexandre Garcia.

O jornalista aproveitou a ocasião para fazer uma participação ao vivo na programação da rádio, além de visitar o Comandante da Força, General de Exército Edson Leal Pujol. O Comandante também gravou episódio para o podcast, abordando aspectos sobre a carreira e temas relacionados à Força Terrestre.

O General Richard ressaltou que o resultado esperado com o advento dessa nova ferramenta é impactar, inicialmente, os ouvintes da Verde-Oliva FM. "Mas a intenção, também, é atingir aquela parcela do público que não tem tempo para ouvir determinado tipo de matéria em tempo real, selecionando o melhor momento para isso. O nosso podcast vem complementar as diversas mídias que já possuímos, criando a fidelização desse público",  acrescentou.

Fonte: CCOMSEx