Iniciaram os jogos da NAE, o evento esportivo mais esperado do ano envolvendo as Escolas de Formação

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 28 ago 2019
Crédito: 1º Ten Bidinoto

Angra dos Reis (RJ) – No dia 24 de agosto, foi dada a largada à 51ª NAE. Formada pela abreviatura de Naval, Exército e Aeronáutica, a NAE é a principal competição esportiva realizada entre as escolas preparatórias de formação de oficiais das Forças Armadas: o Colégio Naval, a Escola Preparatória de Cadetes do Exército (EsPCEx) e a Escola Preparatória de Cadetes do Ar. Em 2019, a disputa esportiva chega aos seus 51 anos e está ocorrendo no Colégio Naval, em Angra dos Reis (RJ), seguindo até o dia 30 de agosto.

A cerimônia de abertura dos jogos ocorreu em 24 de agosto, com a apresentação das delegações das Escolas e o tradicional acendimento da Pira Olímpica. Logo após a solenidade de abertura, teve início a competição de atletismo, aberta ao público e prestigiada por autoridades do Estado-Maior das Forças Armadas.

Todos os atletas são alunos das Escolas e têm idades entre 17 e 22 anos. O objetivo da competição é desenvolver a integração entre as três Forças, estimular o gosto pelo esporte e cooperar com a formação do espírito de corpo.

Apesar da intensa preparação durante o ano, a competição acontece em um clima de camaradagem e lealdade. Além de esportes tradicionais, como o futebol, o vôlei, o basquete, a natação, o judô, o atletismo e o xadrez, os atletas disputam outras provas mais comuns ao meio militar, como a esgrima, a orientação, o triatlo militar e o tiro esportivo.

 

NAE no Smartphone

Por meio de um aplicativo disponível para aparelhos dos sistemas Android e IOS, o público poderá acompanhar a programação, os resultados dos jogos, os recordes da competição e as matérias produzidas. Tudo de forma rápida e ao alcance das mãos.

Os jogos são de responsabilidade da Comissão Desportiva Militar do Brasil (CDMB), vinculada ao Ministério da Defesa, e, a cada ano, as três escolas participantes fazem o revezamento da sede. Há 51 anos, a competição faz parte do calendário educacional das Escolas.

Fonte: EsPCEx