Exército finaliza trabalho de estabilização de danos em canhões do Arquipélago de Fernando de Noronha

${the_title} - ${company_name}

Crédito: Sgt Gualberto

Recife (PE) – No período de 27 de julho a 9 de agosto de 2019, o Parque Regional de Manutenção da 7ª Região Militar finalizou a 3ª e última fase do Plano de Trabalho de Estabilização de Danos nos Canhões do Arquipélago de Fernando de Noronha. Nessa etapa foram recuperados quatro Canhões Vickers Armstrong 152mm, da Segunda Guerra Mundial, e dois Canhões Coloniais do Forte da Conceição.

A missão ocorreu no período de 22 de maio a 9 de agosto e foi divida em três fases, totalizando a recuperação de sete peças do modelo Vickers Armstrong 152mm e 14 do Colonial pertencentes ao acervo jurisdicionado à 7ª Região Militar.

Além disso, os militares realizaram a capacitação técnica das equipes da EcoNoronha e da Biapô que realizarão o restante dos trabalhos de recuperação nos canhões sob a responsabilidade do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBIO) e do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).

É o Exército Brasileiro realizando a preservação do patrimônio cultural, o resgate da história e a perpetuação de seus valores, com o propósito de que as novas gerações possam usufruir desse legado histórico.

Fonte: Pq R Mnt/7


Crédito: Sgt Gualberto