Documentos de episódio bélico mantidos pelo 2º Regimento de Cavalaria de Guarda passam por tratamento

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 14 ago 2019

Rio de Janeiro (RJ) – No dia 8 de agosto de 2019, o Arquivo Histórico do Exército (AHEx), atendendo à solicitação do Comandante do 2º Regimento de Cavalaria de Guarda (2º RCG), realizou o tratamento de conservação de acervo histórico sob a guarda do Regimento. Os documentos são constituídos pelas Ordens de Operações no Teatro de Operações da Guerra da Tríplice Aliança, assinada em de 20 de janeiro de 1866 pelo então Marechal de Campo Manoel Luiz Osorio, hoje Patrono da Arma de Cavalaria.

O AHEx, por intermédio de sua Divisão de Processamento Técnico, é responsável, de forma multidisciplinar, pelas atividades de tratamento e conservação dos acervos, a fim de organizá-los e dirimir o ritmo dos efeitos da degradação sobre eles. Essa organização arquivística realiza a análise do estado de conservação e acondicionamento dos acervos do patrimônio documental da Instituição, atuando, por intermédio de métodos científicos (quantitativo e qualitativo) para sua preservação.

O Acervo Documental foi tratado pela equipe técnica do AHEx com a finalidade de diminuir o impacto dos agentes de degradação e melhorar o índice de preservação, garantindo, assim, o acesso ao Patrimônio Histórico e Cultural do Exército Brasileiro.

Fonte: Arquivo Histórico do Exército