1º Batalhão Ferroviário Implanta Sistema de Compostagem de Lixo Orgânico Zero

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 02 ago 2019
Crédito: Sd Gerber

Lages (SC) – O 1º Batalhão Ferroviário (1º B Fv) está implantando o Método Lages de Compostagem (MLC) – Lixo Orgânico Zero. O projeto está sendo realizado em parceria com a Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), por intermédio do Campus III – Lages, que abriga o Centro de Ciências Agroveterinárias (CAV/UDESC).

O processo utilizado é o da Metodologia da Minicompostagem Ecológica (MCE). O resíduo orgânico produzido pelo serviço de aprovisionamento (refeitórios) no 1º B Fv, está sendo direcionado para as composteiras construídas especialmente para essa finalidade.

O projeto é um dos pioneiros no Exército Brasileiro, visando à eliminação total do lixo orgânico produzido na Unidade e o desvio desse resíduo ao aterro sanitário municipal, além de contribuir com a sustentabilidade ambiental. Atualmente, o lixo reciclável já possui destinação correta, faltava apenas a implantação desse novo sistema para o reaproveitamento do lixo orgânico, que após o processo de compostagem, será transformado em adubo orgânico, por intermédio de um processo microbiológico. Esse material será destinado para adubação da área verde do Batalhão, canteiro para cultivo de hortaliças e também como adubo para a Recuperação de Áreas Degradadas, das obras que estão sendo realizadas, como a duplicação da BR 116, no Rio Grande do Sul e para a revitalização da estrada de acesso ao Destacamento de Tráfego e Controle do Espaço Aéreo, no Morro da Igreja, em Urubicí (SC). Ambas possivelmente, necessitarão de adubo orgânico para os canteiros, encostas e aterros, que receberão os serviços de plantio compensatório, Hidrossemeadura e Enleivamento.

Fonte: 1º B Fv


Crédito: Sd Gerber