Academia Militar das Agulhas Negras comemora o dia da “Arma dos fogos largos, densos e profundos”

${the_title} - ${company_name}

Publicado em: 10 jun 2019

“O que mais me interessava era a artilharia. As peças de artilharia equipadas com sistemas adequados de localização de alvos e controle de tiro podem aplicar o seu fogo com tanta precisão quanto os aviões, e mantê-lo durante mais tempo, e não estão sujeitas às condições meteorológicas.”

 

Resende (RJ) – De 3 a 7 de junho, foi comemorada a Semana da Artilharia na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN). Diversas atividades foram realizadas para celebrar o dia da Arma dos fogos largos, densos e profundos, como: concurso de quadro-mural, cultos religiosos, prova hípica, campeonato de futebol, exposição de material “EXPOART”, alvorada festiva, formatura geral em comemoração ao Dia da Artilharia, culto à bandeira, almoço festivo, demonstração de tiro de diversos materiais de artilharia “DEMONSTRART” e o baile da Artilharia.

Na manhã de 3 de junho, ocorreu o concurso de quadro mural da SemanArt, com participação das companhias do Curso Básico. Tal atividade desenvolve a criatividade e dedicação dos cadetes do 1º ano da AMAN, que devem apresentar, no quadro mural de sua companhia, o máximo de informações e material relacionado à Arma de Artilharia e ao seu patrono, o Marechal Emílio Luís Mallet. Sagrou-se campeã a 2ª Companhia.

Na noite desse mesmo dia, foram celebradas diversas atividades religiosas em comemoração à Semana da Artilharia, como forma de enaltecer os valores e crenças dos artilheiros, e abençoar os participantes. Na capela da AMAN, foi realizada a missa em homenagem à Santa Bárbara, padroeira da Artilharia. No Auditório General Médici, ocorreu o culto Evangélico e no anfiteatro 101 a reunião espírita.

Na manhã do dia 4 de junho, na seção de equitação da AMAN, procedeu-se à prova hípica Capitão Salomão da Rocha, atividade que remonta às caras tradições da artilharia montada, com a participação efetiva dos cadetes integrantes da recém criada Seção Hipomóvel.

Durante a semana da Artilharia, ocorreu um campeonato de futebol entre os pelotões auxiliares dos diversos setores da AMAN, totalizando 12 equipes. A final foi em 6 de junho, e a equipe da Infantaria sagrou-se campeã da competição.

Dando continuidade às atividades festivas da semana, em 5 de junho, houve a alvorada festiva da Artilharia, oportunidade em que os cadetes do 1º ano foram despertados com o troar dos canhões e a vibração característica do artilheiro. Em seguida houve a formatura geral alusiva à Arma de Mallet, com a entrega de premiação ao cadete vencedor do concurso literário da semana, e na sequência o culto à Bandeira Nacional.

No mesmo dia foi aberta, na pérgula sul, a ExpoArt, atividade de exposição de diversos materiais de artilharia de campanha, artilharia de mísseis e artilharia antiaérea. Dentre os materiais expostos, podemos destacar o radar SABER 60 e COAAe eletrônicos, da Artilharia Antiaérea, a viatura LMR Astros, todos de fabricação nacional, além de diversos tipos de obuseiros empregados na instrução dos cadetes.

O almoço festivo também ocorreu em 6 de junho, momento de confraternização de todos artilheiros do curso, com participação do Comandante do Corpo de Cadetes, “Detubo” da AMAN.

O último dia de festividades teve início com a DEMONSTRART, na manhã de 8 de junho, demonstração de tiro de diversos materiais de artilharia. A atividade culminou com a entrega dos binóculos aos novos integrantes da arma de Mallet, ponto alto dessa SemanArt. A atividade, extremamente vibrante, é memorável para todo artilheiro formado na AMAN. Nessa oportunidade, os participantes mobiliam os mais diversos materiais de artilharia existentes no Brasil para execução do tiro real. A semana teve seu encerramento com o Baile da Artilharia, momento para estreitar os laços de união e camaradagem dos artilheiros de ontem, de hoje e de sempre, e de confraternização com seus familiares.

Fonte: AMAN