Saudação ao Dia do Marinheiro – 13 de dezembro

Quando nós, da Força Aérea e do Exército Brasileiro, unimos nossas vozes para cumprimentar a Marinha do Brasil, por ocasião do Dia do Marinheiro, somos envolvidos por um sentimento de honra e de amizade, sobretudo pela identidade comum que nos caracteriza – a disponibilidade incondicional para servir à Pátria.

É assim que agem os irmãos da caserna; nos habituamos a adotar uma postura de fraternidade mútua, unidos, sem dúvida, para melhor divisar o horizonte de desafios do porvir.

O futuro é sempre a referência, seja para orientar a atitude em nossos voos, seja para delimitar uma amplidão de alcance, mesmo diante das inúmeras dificuldades que se apresentam no dia a dia.

Conquanto encontremos alguns óbices ao pleno desenvolvimento de nossas atividades, voltadas exclusivamente para o bem da Nação, devemos conduzir nossas ações sob o manto inabalável da ética e dos valores consolidados nos estamentos militares.

O povo assim espera de nós; salvaguarda absoluta dos valores mais caros desta gloriosa Nação.

Assim, é com especial admiração que acompanhamos o esforço e o empenho da Marinha do Brasil para bem cumprir a nobre e árdua missão de proteger nossas riquezas marítimas e fluviais, vastas, estratégicas e incontestáveis fontes de recursos, essenciais à vida do País e que, dia a dia, ganham maior importância no contexto mundial.

Par e passo com o progresso, a Marinha do Brasil prima pela visão de futuro e, com incondicional afinco, dedica-se à pesquisa e ao desenvolvimento tecnológico. O resultado é o aperfeiçoamento contínuo em vários campos de interesse da sociedade.

Os sistemas bélicos navais, o domínio da energia nuclear e os avanços na eletrônica são áreas há muito exploradas pelo Comando da Marinha.

Não se pode deixar de mencionar a constante presença desta força em relevantes projetos sociais por todo o País, promovendo a cidadania e a inclusão social, zelando pela saúde e educação de tantos brasileiros.

Motiva-nos comemorar o Dia do Marinheiro e dar, uma vez mais, registro da afirmação de nossa nacionalidade e da preocupação única com o processo de desenvolvimento do Brasil.

Marinha, Exército e Força Aérea – hoje e sempre – estamos unidos, tecidos num mesmo liame, amplificando a nossa fortaleza e multiplicando a sinergia em nosso desempenho.

Nesse ensejo, gostaria de externar o quanto me sinto enobrecido coletar os sentimentos de orgulho e de companheirismo dos homens de selva e do ar, inspirados por Joaquim Marques Lisboa, o Almirante Tamandaré, e transmiti-los aos componentes da gloriosa Marinha do Brasil.
Recebam, pois, os fraternos cumprimentos pela passagem do Dia do Marinheiro.


General-de-Exército Enzo Martins Peri
Comandante do Exército

Tenente-Brigadeiro-do-Ar Juniti Saito
Comandante da Aeronáutica
 

Fonte:$outrafonte.getData()
Publicado:$pubDate